TRETA na ZBM: Policiais civis e agente da Polícia Federal trocam tiros em boate em Ponta Porã

junho 28, 20188:02 pm
Os três policiais ficaram feridos durante a troca de tiros ocorrida na madrugada de hoje na Boate da Samara

Dois investigadores da Polícia Civil e um agente da Polícia Federal trocaram tiros na madrugada desta quinta-feira (28) em uma casa noturna em Ponta Porã, fronteira com Pedro Juan Caballero-PY. Os três ficaram feridos. De acordo com o site Campograndenews, um dos policiais civis está em estado mais grave.

A troca de tiros ocorreu na Boate Samara, na Rua Marechal Floriano, a poucos metros do território paraguaio. Os dois investigadores foram encaminhados para o Hospital Regional. Já o policial federal sofreu ferimento de raspão na perna. Dois delegados estão acompanhando o caso, mas o Campo Grande News ainda não conseguiu falar com eles.

Em comunicado, a Assessoria de imprensa da Polícia Civil esclareceu que conforme informações levantadas, na madrugada do dia 28 de junho de 2018, por volta de 1h, na frente de uma casa noturna localizada em Ponta Porã/MS, foi registrada uma troca de tiro entre dois Policiais Civis e um Policial Federal.

Os três policiais envolvidos foram encaminhados para um hospital local, onde receberam atendimento médico-hospitalar, ressaltou porem que ninguém corre risco de morte.

A investigação criminal formal (oitivas, perícias, etc.) está a cargo da Polícia Civil e já esta sendo feito toda a investigação necessária desde o primeiro momento , sendo que a Polícia Federal também está ajudando com todo o suporte necessário.

Na nota, a ênfase é de que a Polícia Civil no Mato Grosso do Sul lamenta o ocorrido e afirma que os fatos serão apurados com imparcialidade e profissionalismo, no âmbito das duas instituições, tanto no âmbito criminal, como no âmbito disciplinar.”.

A Polícia Federal no Mato Grosso do Sul também emitiu nota lamentando o ocorrido e afirma que os fatos serão apurados com imparcialidade e profissionalismo, no âmbito das duas instituições, tanto no âmbito criminal, como no âmbito disciplinar.

Os investigadores feridos foram identificados como Jeferson, lotado no 1° Distrito Policial, e Jonathan, do 2° Distrito Policial, também em Ponta Porã. Jonathan está em estado mais grave e foi submetido a uma cirurgia.

Segundo informações extraoficiais, a briga começou entre o investigador Jeferson e o policial federal. Jonathan saiu em defesa do colega e também acabou ferido a tiros pelo agente da PF.

Tags:
COMPARTILHAR:

Comentários