Trem pega fogo na Áustria e mata 155 esquiadores e turistas

novembro 11, 202012:52 pm
Kaprun é uma vila localizada nos Alpes austríacos famosa por suas pistas de ski

Um dos mais graves e curiosos acidentes da história das ferrovias em todo o mundo, aconteceu no dia 11 de Novembro do ano 2000, em Kaprun, na Áustria, quando o trem que transportava 162 pessoas, esquiadores e turistas, sofreu um curto-circuito em um de seus ventiladores e começou a espalhar faíscas sobre o óleo inflamável, tomando conta dos vagões, que pegando fogo em movimento e causou a morte de 155 entre passageiros e funcionários.

Kaprun é uma vila localizada nos Alpes austríacos famosa por suas pistas de ski e que passou a ser referenciada a partir desse desastre , quando 155 esquiadores morreram após um incêndio no trem que os transportava.

Do total de vítimas, 92 eram da própria Áustria, 37 da Alemanha, 10 eram japoneses, 8 norte-americanos, 4 da Eslovênia, 2 dos Países Baixos, um do Reino Unido e 1 da República Checa. O curto-circuito ocorre quando há a junção de fio elétrico contra outro, daí gerando faísca.

Curto-circuito é a passagem de corrente elétrica acima do normal em um circuito devido à redução abrupta da impedância deste. Normalmente o curto-circuito provoca danos tanto no circuito elétrico em que ocorre como no elemento que causou a redução de impedância. E foi isso que aconteceu com o trem que transportava alquimistas e turistas na Áustria.

Um exemplo de curto-circuito, que acidentalmente é comum em residências, ocorre quando se coloca as extremidades de um fio metálico nos orifícios de uma tomada. Geralmente os curto-circuitos provocam reações violentas devido à dissipação instantânea de energia, tais como: explosões, calor e faíscas. É uma das principais causas de incêndios em instalações elétricas mal conservadas ou com erros de dimensionamento.

Tags:
COMPARTILHAR:

Comentários