JACK PANTANEIRO: Polícia procura por homem acusado de render mulher com faca e estuprá-la

dezembro 17, 20189:06 pm
Suspeito do crime, homem de aproximadamente 40 anos está foragido

A Polícia de Corumbá procura por um homem, de aproximadamente 40 anos, acusado de ter estuprado uma jovem de 21 anos. O caso teria acontecido na madrugada de domingo, 17 de dezembro, na casa da própria vítima, localizada no bairro Aeroporto. A mulher estava acompanhada de seu filho recém-nascido.

Conforme as informações da vítima, em relatos ao boletim de ocorrência n° 7054/2018, registrado na Delegacia de Polícia, ela estava na casa, quando o suspeito bateu em sua porta e disse que estaria ali, para entregar uma roupa para o filho dela.

Por conta disso, a mulher acabou abrindo a porta e foi surpreendida pelo homem, que rapidamente a abordou com uma faca em seu pescoço. Conforme a vítima, ele disse: “Fica calma! Não vou fazer nada contra você!”. Neste momento, já rendida a vítima foi levada para o quarto juntamente com a criança e o homem se certificou que não havia ninguém na residência.

Diante da situação, ele pediu para que a vítima se deitasse na cama, onde também estava a criança e a amamentasse e tirasse a roupa. Por segundos, o indivíduo a observou e também retirou suas roupas e se deitou ao lado da mulher na cama, se esfregando em suas costas até a ejaculação.

Depois de realizar o ato, o homem teria deixado a faca no quarto e se dirigido até o banheiro, quando a vítima percebeu e se trancou no quarto, pegou seu celular e tentou ligar para alguém pedindo ajuda. Ao perceber o acusado teria ido até a cozinha e pegado outra faca e então arrombado a porta do quarto, demonstrando estar muito aletrado. Ele até mesmo teria desferido um soco contra a vítima e tomado o telefone dela.

Mais calmo, ele saiu do quarto e foi até a sala se vestir e a vítima saiu correndo com a criança e se trancou novamente em outro quarto, onde gritava por ajuda. Ao perceber a situação, o homem teria ido embora e minutos depois, familiares da vítima chegaram e acionaram a Polícia, que realizou buscas pela região na tentativa de encontrar o acusado, porém, ninguém foi detido.

Na residência, a Polícia apreendeu uma calcinha da vítima e também a faca utilizada pelo autor ao render a mulher que passarão por exames.

Diante dos fatos, a mulher foi levada até à Delegacia de Polícia, para registrar o caso e ainda revelou que o homem era branco, sem barba, não muito alto, por volta de 1,70 de altura, olhos esbugalhados, aparentando aproximadamente 40 anos, cabelo curto e pouco calvo na frente, cabelos meio encaracolados, com uma tatuagem no braço direito camiseta preta, parecendo ser de alguma empresa, onde se encontrava escrito na cor dourada “Caçadores ou Caçador” na região superior das costas, com uma logo no centro e na parte da frente da camiseta.

 

Tags:
COMPARTILHAR:

Comentários