Datafolha no 2º turno: Bolsonaro tem 58%, e Haddad, 42%

outubro 10, 20188:39 pm
Instituto realiza a primeira pesquisa nesta fase decisiva da corrida à Presidência, que contrapõe os candidatos peesselista e petista

O Datafolha divulgou na noite desta quarta-feira (10/10) seu primeiro levantamento com a intenção de votos do eleitor neste segundo turno da corrida presidencial. Três dias após a divulgação do resultado em primeiro turno, Jair Bolsonaro (PSL) chegou a 58% dos votos válidos. O candidato do PT, Fernando Haddad, aparece com 42%.

Quando considerados brancos e nulos, o peesselista fica com 49% dos votos, e o petista, com 36%. O percentual de brancos/nulos/nenhum foi de 8%. E 6% dos entrevistados não souberam responder.

O Datafolha comprova o apoio maciço a Bolsonaro entre os evangélicos, grupo privilegiado em suas manifestações e intenções programáticas. No segmento, o deputado tem 60% das intenções de voto, contra 26% do petista. Já entre os católicos, a disputa está em 46% para o militar reformado a 40% para o professor e advogado.

Voto das mulheres
Confirmando a tendência registrada ao longo da campanha, as mulheres dão menos apoio a Bolsonaro, com 42% dos votos totais, segundo o Datafolha. Entre homens, o peesselista atinge 57%. A equação é invertida na intenção de voto para Haddad: o petista tem 39% entre mulheres, empatando na margem com o deputado, e 33% do eleitorado masculino.

Pretendem votar no capitão reformado pessoas mais ricas (62% nos segmentos entre cinco e 10 salários mínimos e acima de 10) e escolarizadas (58% dos que têm ensino superior).

Haddad vai melhor no outro extremo: apoio de 44% dos que têm só o ensino fundamental e o mesmo índice entre os mais pobres (renda familiar média mensal de até dois salários mínimos).

O instituto também questionou os entrevistados sobre quando eles decidiram seu voto no primeiro turno. No dia do pleito foi a resposta de 12%, contra os 9% que assim responderam em 2014. Na véspera, 6%, número igual ao da eleição presidencial passada. Já a decisão um mês antes de ir às urnas ocorreu para 63% dos eleitores – 72% entre os bolsonaristas. Em 2014, o índice era de 67%.

Registro
A pesquisa foi contratada pelo jornal Folha de S.Paulo e pelo Grupo Globo, tendo entrevistado 3.235 eleitores nesta quarta-feira (10/10). O registro no TSE é o de número BR-00214/2018.

No primeiro turno, Bolsonaro teve 46,03% dos votos válidos, e Haddad recebeu 29,28%.

 

 

Tags:
COMPARTILHAR:

Comentários